Bahia: Recém eleitas, conselheiras tutelares  são cassadas

Comissão processante analisou denúncias recebidas, antes de tomar decisão

Com cassação, assumem os dois primeiros suplentes do cargo no Conselho Tutelar de Serrinha
Com cassação, assumem os dois primeiros suplentes do cargo no Conselho Tutelar de Serrinha – A TARDE –
Duas conselheiras tutelares, recém-eleitas no último dia 1 de outubro, durante eleição para escolha dos novos integrantes, no município de Serrinha, centro-norte da Bahia, tiveram os mandatos cassados antes de assumirem os cargos. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Serrinha (CMDCA), confirmou a decisão, que foi publicada no Diário Oficial do Município.

Após deliberação da Comissão Eleitoral, que recebeu denúncias que as duas candidatas teriam praticado campanha irregular durante o pleito, os nomes das eleitas foram retirados da lista.

O Ministério Publico do Estado da Bahia, cobrou providencias em relação ao processo de escolha dos membros do Conselho Tutelar.

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Serrinha disse que recebeu as denuncias de irregularidades dois dias após a eleição, e que todas as provas foram analisadas minuciosamente pela comissão processante em reuniões realizadas. O conselho esclareceu ainda que foi observado o direito à ampla defesa e ao contraditório.

Com a cassação, assumem os dois primeiros suplentes.

Sendo assim, a composição do Conselho Tutelar após a cassação fica assim:

Titulares

•    Gilvãnia Gabriel da Silva e Silva
•    Jaciane Santos Oliveira Militão
•    Naiane Oliveira Mota
•    Maria Cacilda Cerqueira de Oliveira
•    Ivoneide Silva Bispo

Suplentes

•    Marcos Meireles dos Santos
•    Wilma dos Santos Rodrigues
•    Vanessa Santos Ferreira da Silva

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE